Mesa-tenistas retomam preparação para os Jogos de Tóquio no CT Paralímpico

qui, 14 jan 2021 10:13:44 -03:00



Jennyfer Parinos treina no CT após a reabertura em 2020 | Foto: Alê Cabral / CPB

Jennyfer Parinos treina no CT após a reabertura em 2020 | Foto: Alê Cabral / CPB

Nesta segunda semana útil de janeiro, foi a vez dos atletas de tênis de mesa retomarem os treinos no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. Ao todo, seis mesa-tenistas que cumpriram todos os requisitos do protocolo de segurança estabelecido pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) voltaram às atividades visando a preparação para os Jogos Paralímpicos de Tóquio em agosto.  

Os atletas da modalidade já haviam retornado ao CT em julho, após a prefeitura da cidade de São Paulo autorizar a reabertura parcial do local. O CT Paralímpico ficou fechado por mais de três meses no primeiro semestre de 2020 por conta da pandemia do novo coronavírus.   

“Nossa preocupação em relação ao retorno aos treinos foi com a parte física, pois os atletas tinham ficado muito tempo em casa. Então, focamos na recuperação e, com a evolução deles, no fim do ano, conseguimos fazer correções técnicas pontuais que não conseguiríamos sem o tempo que ganhamos com o adiamento dos Jogos. Faltou participar de eventos, mas levando em conta a situação mundial e as correções que fizemos, o saldo no fim do semestre passado foi muito bom”, destacou o técnico da Seleção de tênis de mesa, Paulo Molitor.  

“Agora, nós vamos dar muita ênfase na parte física dos atletas. Na parte técnica, vamos começar com foco na base e, gradativamente, de acordo com a evolução física deles, passaremos a trabalhar a movimentação de pernas”, projetou Molitor.   

LEIA MAIS
CPB suspende calendário de competições de atletismo, halterofilismo, natação e tiro esportivo até junho de 2021 
Atletas da natação retornam aos treinos no CT Paralímpico com foco nos Jogos de Tóquio
Atletas do atletismo dão início à temporada 2021 de treinos no CT Paralímpico

Bruna Alexandre, Danielle Rauen, Israel Stroh, Jennyfer Parinos, Joyce Oliveira e Marliane Santos já estão em treinamento. A partir de fevereiro, Paulo Salmin se juntará ao grupo. A primeira fase de treinos contempla cinco dias por semana em apenas um período. Posteriormente, serão dois períodos em, pelo menos, duas vezes por semana.  

“É muito bom voltar ao CT Paralímpico. Ainda mais agora que falta pouco para os Jogos. A meta é continuar firme, dando o meu máximo para atingir meus objetivos”, afirmou a santista Jennyfer Parinos, 24 anos, que ainda está em busca de sua vaga para sua segunda participação na principal competição paralímpica.  

Os Jogos de Tóquio foram adiados por conta da pandemia de Covid-19 e estão marcados para 24 de agosto a 5 de setembro deste ano. Os cinco mesa-tenistas medalhistas de ouro nos Jogos Parapan-americanos de Lima 2019 estão classificados para Tóquio: Joyce Oliveira (classe 4), Danielle Rauen (classe 9), Paulo Salmin (classe 7), Luiz Manara (classe 8) e Carlos Carbinatti (classe 10).   

Programa Loterias Caixa Atletas de Alto Nível  
A atleta Bruna Alexandre é integrante do Programa Loterias Caixa Atletas de Alto Nível, programa de patrocínio individual da Loterias Caixa que beneficia 70 atletas e sete atletas-guia.     

Time São Paulo 
Os atletas Bruna Alexandre, Danielle Rauen, Israel Stroh e Jennyfer Parinos são integrantes do Time São Paulo, parceria entre o CPB e a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo que beneficia 61 atletas e dois atletas-guia de 11 modalidades.  

Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)

PATROCINADOR MASTER
Patrocinadora oficial de 11 modalidades paralímpicas
PATROCINADORES
Patrocinadora oficial do Paratletismo Brasileiro
Patrocinadora do Comitê Paralímpico Brasileiro
APOIADORES
Apoiador do Comitê Paralímpico Brasileiro
PARCEIROS
Parceiro do Comitê Paralímpico Brasileiro
Parceiros do Atleta Cidadão