Notícias

IPC anuncia programa paralímpico dos Jogos de Tóquio 2020

Por CPB
Seg, 04 Set 2017 10:28:00 -0300
Imagem

Os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020 contarão com 4.400 atletas, que competirão em 537 eventos valendo medalha, de acordo com anúncio feito pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês), nesta segunda-feira, 4. 

O programa final dos Jogos e a cota de atletas foram aprovados pelo Conselho Diretor do IPC após a conclusão de um processo de dez meses de consulta às federações internacionais. Os principais destaques são: 

- Pelo menos 1.756 vagas para atletas mulheres - maior número da história, e que representa um aumento de 17% em relação a Londres 2012. O número provavelmente crescerá, uma vez que 294 vagas não têm gênero definido. 

- Badminton e taekwondo, os dois esportes que farão suas estreias nos Jogos Paralímpicos, distribuirão 14 e seis medalhas, respectivamente. 

- A canoagem, que fez a sua estreia nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016 e distribuiu seis medalhas, desta vez dará nove medalhas, dada a inclusão das classes Va'a. 

- Como parte do desejo do IPC de aumentar as oportunidades para atletas com maior necessidade de suporte, a bocha terá 116 vagas nos Jogos - oito a mais do que no Rio 2016. 

- Comparado ao Rio 2016, 14 esportes contarão com o mesmo número de atletas. Bocha, canoagem, judô, tiro esportivo, tênis de mesa, triatlo e esgrima em cadeira de rodas terão mais competidores. 

- Quatro esportes (canoagem, tiro esportivo, tênis de mesa e esgrima em cadeira de rodas) terão mais eventos valendo medalha do que no Rio 2016, enquanto natação e atletismo terão menos. 

- A lista final de eventos de atletismo, natação e triatlo serão publicados posteriormente. 

- O programa completo de provas dos Jogos podem ser encontrados aqui

"Estamos muito animados com o programa dos Jogos de Tóquio 2020, com o qual acreditamos que podemos dar continuidade ao sucesso do Rio 2016, uma Paralimpíada que é considerada a melhor em termos de performance esportiva. É uma prova de força do esporte paralímpico e do trabalho das federações internacionais que a briga para garantir eventos valendo medalha e cota de atletas nos Jogos Paralímpicos é agora tão competitiva quanto a ação no campo de jogo", disse Sir Philip Craven, presidente do IPC. 

As federações internacionais enviaram ao IPC, em janeiro deste ano, propostas para incluir 4.979 atletas e 555 eventos nos Jogos de Tóquio. 

Os Jogos Paralímpicos do Rio 2016 contaram com 4.328 atletas que disputaram 528 medalhas. A não-inclusão do futebol de 7 e da vela em Tóquio 2020 abriram mais 192 vagas para atletas e quatro provas.

Com informações do Comitê Paralímpico Internacional (IPC)

Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)