Notícias

CPB anuncia finalistas para o 'Atleta da Galera' do Prêmio Paralímpicos 2018

Por CPB
Dom, 02 Dez 2018 10:18:00 -0200
Imagem

O Comitê Paralímpico Brasileiro anuncia nesta quarta-feira, 28, os finalistas do Atleta da Galera, categoria escolhida por meio do voto popular no Prêmio Paralímpicos 2018. Campeão em 2017, André Rocha, do atletismo, novamente disputará a honraria e terá a concorrência de Evellyn Ramos, da natação, e Igor de Souza, da bocha (confira abaixo o perfil dos finalistas). A segunda fase da votação já está disponível, e o público pode fazer sua escolha aqui. O festejo que encerra o ano do esporte adaptado brasileiro terá início às 20h (de Brasília), com transmissão ao vivo pelo SporTV. 
 
Somente a primeira fase do pleito deste ano contou com cerca de 16 mil votos válidos. O Atleta da Galera foi criado em 2017, com a intenção de engajar o público. Em sua primeira edição, André Rocha saiu vencedor ao superar Verônica Hipólito e Brendow Christian no segundo turno de votação. O vencedor será anunciado no dia 12 de dezembro, na cerimônia do Prêmio Paralímpicos, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. 
 
"Foi muito satisfatório ver que, mais uma vez, nossos atletas abraçaram a ideia e fizeram campanha por meio de vídeos, posts em redes sociais de todas as formas para obter votos e engajar o público na escolha do Atleta da Galera 2018. Desejo muito boa sorte aos três concorrentes nesta final", disse Mizael Conrado, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro.  
 
O Prêmio Paralímpicos 2018 manterá todas as categorias premiadas nos anos anteriores, incluindo os já tradicionais Prêmio Aldo Miccolis, que homenageia pessoas que dedicaram sua vida ao esporte paralímpico, o Prêmio Personalidade Paralímpica, para quem contribuiu para o movimento na temporada, além das premiações dos técnicos de modalidades individuais e coletivas. Um competidor de cada uma das 25 modalidades também será lembrado pelo destaque nesta temporada. 
 
Perfil dos concorrentes
André Luís da Rocha Antunes

Modalidade: Atletismo
Classe: F53
Clube: ADV-Vale
Principais Conquistas em 2018: Open Internacional: Ouro no arremesso de peso e lançamento de disco em São Paulo, ouro no arremesso de peso e prata no lançamento de disco em Berlim (ALE); Circuito Loterias Caixa: ouros no arremesso de peso e lançamento de disco em São Paulo.
História: Tinha 29 anos quando atuava como policial militar. Durante uma ocorrência de perseguição a pé, sofreu a queda de um muro e ficou paraplégico. Sempre praticou esporte e quis voltar assim que superou a depressão pós-acidente. Em 2013, conheceu um programa de esporte da prefeitura e iniciou no atletismo. Em 2018 bateu o recorde mundial no arremesso de peso e se tornou o líder do ranking mundial no arremesso de peso e lançamento de disco.
 
Evellyn Garrido Ramos
Modalidade: Natação 
Classe: S6
Clube: CIEDEF
História: Sempre foi ligada ao esporte. Aos três anos, entrou na natação como forma de tratamento para a bronquite. Aos 11 anos, durante uma apresentação de ginastica artística, a atleta sofreu um AVC, que paralisou uma parte do corpo. Descobriu o paradesporto ao visitar uma feira voltada para pessoas com deficiência e conhecer Clodoaldo Silva, que a incentivou a voltar a nadar. Em 2015, começou a disputar competições nacionais e a cada temporada melhora seus tempos na piscina.
 
Igor de Souza Barcelos
Modalidade: Bocha
Classe: BC1
Clube: ANDEF
História: Nasceu com paralisia cerebral devido à falta de oxigênio no parto. Descobriu a bocha ao assistir pela TV os Jogos Paralímpicos do Rio e começou a modalidade em 2017. Em 2018. foi convocado pela primeira vez pela Seleção Brasileira de bocha, participando da BISFED Regional Open São Paulo.
 
Assessoria de imprensa do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.br)