Notícias

Com três ouros em Goiânia, Guissone se prepara para Copa do Mundo de esgrima

Por CPB
Dom, 15 Abr 2018 12:35:00 -0300
Daniel Zappe / CPB / MPIX Imagem

Neste domingo, 15, Jovane Guissone conquistou seu terceiro ouro na I Copa Brasil de esgrima em cadeira de rodas, no Centro de Excelência do Esporte, em Goiânia. Ele subiu ao pódio na prova por equipes no florete. Além dele, formaram a equipe do Paraná Moacir Ribeiro, Edgar Rassan e Sandro Colaço. O Rio Grande do Sul ficou com a prata e São Paulo com o bronze.

Na sexta-feira, 13, primeiro dia de competições, o gaúcho já havia conquistado a vitória individual no florete categoria B. No sábado, 14, repetiu o feito na espada. Agora, Jovane se prepara para a terceira etapa da Copa do Mundo, em Montreal, no Canadá, de 27 a 29 de maio. Nas fases anteriores em Eger, na Hungria, em fevereiro, e em Pisa, na Itália, em março, ele conquistou ao todo quatro bronzes.

“Todas os anos em que fui competir em Montreal consegui medalhas. Agora vou para arrebentar. Essa Copa Brasil serviu como treinamento. Estou indo focado, para ganhar”, comenta. A confiança se deve ao começo de temporada com sete medalhas e um trabalho integrado de preparação. “Os resultados falam por si só. Está tudo andando junto e no caminho certo", afirmou. 

Além da I Copa Brasil de Esgrima em Cadeira de Rodas, neste domingo também terminou a regional Centro-Leste do Circuito Loterias Caixa de atletismo, halterofilismo e natação, em Goiânia. Participaram mais de 500 atletas, de 16 estados. Esta foi a quarta e última etapa, que já passou por São Paulo, em fevereiro, Porto Alegre e Aracaju, em março. As fases nacionais de cada modalidade ocorrem em junho, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo.
 
O Circuito
O Circuito Loterias Caixa é organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro e patrocinado pelas Loterias Caixa. Este é o mais importante evento paralímpico nacional de atletismo, halterofilismo e natação. Composto por quatro fases regionais e duas nacionais, tem como objetivo desenvolver as práticas desportivas em todos os municípios e estados brasileiros, além de melhorar o nível técnico das modalidades e dar oportunidades para atletas de elite e novos valores do esporte paralímpico do país. Em 2018, as disputas das fases nacionais serão separadas por modalidade - haverá ainda um Campeonato Brasileiro de cada esporte.
 
Patrocínios
O paratletismo tem patrocínio das Loterias Caixa e da Braskem.
A esgrima, o halterofilismo e a natação tem patrocínio das Loterias Caixa.


Assessoria de comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)