Notícias

Brasil chega a 27 medalhas no Mundial de Natação e faz melhor campanha da história

Por CPB
Qua, 06 Dez 2017 15:10:00 -0200
Marcio Rodrigues/MPIX/CPB Imagem

O Brasil alcançou nesta quarta-feira, 6, a sua melhor campanha na história dos Campeonatos Mundiais de Natação Paralímpica. Nos cinco dias de disputas na Cidade do México, a delegação nacional já esteve no pódio da Piscina Olímpica Fransico Márquez por 27 vezes. E contando… 

É a primeira vez na história que a delegação verde e amarela rompe a barreira das 26 medalhas em um Mundial. Coincidentemente, o país chegara a esta marca em três competições consecutivas: Durban 2006, Eindhoven 2010 e Montreal 2013. 

E o responsável pelo recorde não poderia ser outro se não o multimedalhista Daniel Dias. Ele foi o melhor, novamente com sobras, nos 200m livre da classe S5 - completou a distância em 2min37s67, contra 2min52s50 do vice-campeão, Theo Curin (FRA), e 3min05s74 de Junshegn Li, da China. Foi seu quinto ouro neste Mundial mexicano. Pouco mais de 12 horas antes desta conquista, ele sagrara-se tetracampeão mundial nos 50m livre. 

Ele já havia sido o melhor também nos 50m costas, nos 100m livre e no revezamento 4x100m livre, desde o sábado, 2, quando a competição teve início. 

"Ainda tenho mais dois revezamentos para nadar. Espero conseguir mais dois bons resultados. Saio satisfeito com as minhas marcas e com o meu desempenho neste Campeonato Mundial. Fiquei bem distante do meu melhor tempo, mas os dias de competição também já estão cansando. Isso aqui é meio desumano. Competir em uma altura dessas [2.250m acima do nível do mar]... Eu nadei os 200m e já cansei, imagino como está sofrendo quem está nadando os 400m”, comentou Daniel Dias, 29, que nasceu com má formação em três membros e é o maior medalhista paralímpico do Brasil, com 24 conquistas.

Ele ainda nada o revezamento 4x100m medley 34 pontos (soma das classes funcionais dos integrante da equipe) nos primeiros minutos da madrugada (no Brasil) de quinta-feira, 7, à 00h30. A segunda sessão de provas do quinto dia de competição do Mundial de Natação Paralímpica começa às 22h (de Brasília), com transmissão ao vivo pelo SporTV 2 e pela página do CPB no Facebook.

Patrocínio
A natação tem o patrocínio das Loterias Caixa. 

Time São Paulo
O atleta Daniel Dias é integrante do Time São Paulo, parceria entre o CPB e a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo que beneficia 56 atletas e nove atletas-guia de 10 modalidades. 

Assessoria de imprensa do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br) nos Mundiais de Natação e Halterofilismo
Daniel Brito (daniel.brito@cpb.org.br / 61 99164 4784 - disponível no WhatsApp)
Danielle Lima (danielle.lima@mediaguide.com.br /  21 99648-1024 - disponível no Whatsapp)
Nádia Medeiros (nadia.medeiros@cpb.org.br / 61 99266 2499 - disponível no WhatsApp)