Notícias

CPB participa de curso de capacitação da Fundação Agitos, em Bogotá

Por CPB
Seg, 03 Set 2018 15:13:00 -0300
Imagem

A cidade de Bogotá, na Colômbia, sediou na última semana o primeiro workshop de Marketing e Comunicação do Programa Organizacional de Capacitção, Nível 2 (OCP2). O curso teve participação da equipe de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro, que contou com um representante como mentor. 

De 30 de agosto a 1 de setembro, representantes da Argentina, Chile, Colômbia e México participaram do workshop, ministrado pela Fundação Agitos em parceria com a Academia IPC. Membros dos NPCs do Equador, de El Salvador, do Peru e da Nicarágua, que juntos com a Colômbia participaram do projeto “En sus marcas, listos ... Inclusión”, também estiveram presentes no evento. 

O OCP foi criado para fortalecer os Comitês Paralímpicos Nacionais (NPC, em inglês) nas áreas de governança e planejamento, marketing e comunicação e desenvolvimento de atletas. O primeiro workshop de seu segundo nível foi realizado no início deste ano para os países da Europa, em Tallin, na Estônia, com foco em governança e planejamento.

Em Bogotá, as atividades foram divididas em dois módulos. Primeiro, um grupo de quatro mentores participou do treinamento de “Mentor do OCP2”, dois dias antes do evento. Em seguida, eles se juntaram aos representantes dos demais NPCs no workshop de três dias sobre marketing e comunicação.

Agora, cada país será apoiado por um mentor, a fim de criar um plano de ação para ser aprovado pelo respectivo NPC e implementado nos próximos dois anos.

O workshop na capital colombiana foi conduzido por Riika Rakic e Steve Griffiths, da Academia IPC.

"Proporcionamos aos participantes ferramentas para analisar onde estão e onde querem estar. Passamos por um exercício e conversamos sobre as formas de lidar com ele. A participação foi muito ativa e eles foram além do cenário imaginário do caso de estudo.

"Os delegados podem voltar para casa e criar seu próprio plano de ação e depois, um plano de marketing e comunicação adequado a ser implementado em seu respectivo ambiente. Os resultados superaram completamente minhas expectativas", disse Rakic.

A representante Argentina, Maria Magdalena Ramirez, disse: "Foi uma experiência muito positiva. Tivemos a oportunidade de trabalhar em conjunto com outros NPCs latino-americanos para obter melhores resultados do que se tivéssemos feito individualmente. Estou motivada e inspirada a voltar passos."

Yurani Scarpetta, da Colômbia, disse: "A Colômbia está em um processo de desenvolvimento que envolve diferentes áreas, como marketing e comunicações. Foi uma ótima oportunidade para medir se estamos indo na direção certa e aprender com diferentes experiências. Espero que haja mais oficinas como esta."

Saint-Clair Milesi, um dos mentores que participaram do workshop OCP2, disse: "É muito gratificante estar envolvido em uma atividade como essa. Isso te leva de volta as dificuldades pelas quais você passou antes. Eu queria ter tido uma oportunidade como essa quando era mais jovem. Você aprende muito interagindo com as pessoas que você está ajudando."

De 2017 até 2024, o Programa de Capacidade Organizacional receberá um apoio significativo da Parceria Paralímpica Mundial, do IPC com a Toyota, para ampliar seu alcance e envolver mais da metade dos 179 NPCs através do Programa de Desenvolvimento dos NPC. O próximo workshop do OCP2 acontecerá em novembro, em Teerã, no Irã, com países da Ásia Ocidental e da África.

*Com informações de Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês)

Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)