Modalidades

Natação

As adaptações são feitas nas largadas, viradas e chegadas. Os nadadores cegos recebem um aviso do tapper, por meio de um bastão com ponta de espuma quando estão se aproximando das bordas. A largada também pode ser feita na água, no caso de atletas de classes mais baixas, que não conseguem sair do bloco. As baterias são separadas de acordo com o grau e o tipo de deficiência. No Brasil, a modalidade é administrada pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB).

 

No total, o Brasil já conquistou 102 medalhas na natação em Jogos Paralímpicos, sendo 32 de ouro, 34 de prata e 36 de bronze. É a segunda modalidade que mais medalhas deu ao Brasil nas Paralimpíadas, atrás apenas do atletismo (142).


 

RELATÓRIO TÉCNICO

Versão 2016

Versão 2017

 

MEDALHISTAS PARALÍMPICOS

Jogos Paralímpicos de Stoke Mandeville 1984
Revezamento 4x50m medley (classe 6) - ouro 
M. Amorim - prata - 100m costas (classe 5)
M. Amorim - prata - 100m peito (classe 5)
Revezamento 4x50m medley (classe 5) - prata
Maria Jussara Mattos - prata - 100m costas (classe 6)
Maria Jussara Mattos - prata - 100m livre (classe 6)
M. Amorim - bronze - 100m livre (classe 5)

Jogos Paralímpicos de Seul 1988 
Graciana Moreira Alves - ouro - 100m livre (classe 6)
Maria Jussara Mattos - prata - 100m borboleta (classe 6)
Fábio Ricci - bronze - 100m livre (classe 1C)
Fábio Ricci - bronze - 25m costas (classe 1C)
Fábio Ricci - bronze - 25m peito (classe 1C)
Graciana Moreira Alves - bronze - 100m borboleta (classe 6)
Graciana Moreira Alves - bronze - 100m peito (classe 6)
Leandro Ramos Santos - bronze - 100m borboleta (classe L6) 
Maria Jussara Mattos - bronze - 100m livre (classe 6)

Jogos Paralímpicos de Barcelona 1992
Eduardo Wanderley - bronze - 50m borboleta (S3-4) 
Genezi Alves de Andrade - bronze - 50m costas (S3)
Ivanildo Vasconcelos - bronze - 200m medley (SM5)

Jogos Paralímpicos de Atlanta 1996
Caco Medeiros - ouro - 50m borboleta (S7) 
Genezi Alves de Andrade - prata - 150m medley (SM3)
Adriano Galvão Pereira - bronze - 100m livre (S2)
Adriano Galvão Pereira - bronze - 50m livre (S2)
Adriano Lima - bronze - 50m livre (S6)
Genezi Alves de Andrade - bronze - 100m livre (S3)
Genezi Alves de Andrade - bronze - 200m livre (S3)
Gledson Soares - bronze - 200m medley (SM7) 
Ivanildo Vasconcelos - bronze - 100m peito (SB4)

Jogos Paralímpicos de Sydney 2000 
Fabiana Sugimori - ouro - 50m livre (S11)
Adriano Lima - prata - 100m livre (S6) 
Revezamento 4x50m livre (Adriano Lima, Clodoaldo Silva, Joon Sok Seo e Luis Silva) - prata 
Revezamento 4x50m medley (Adriano Lima, Clodoaldo Silva, Francisco Avelino e Luis Silva) - prata
Clodoaldo Silva - prata - 100m livre (S4)
Luis Silva - prata - 50m borboleta (S6)
Mauro Brasil - prata - 50m livre (S9)
Revezamento 4x100m livre - (Adriano Lima, Danilo Glasser, Fabiano Machado e Mauro Brasil) bronze
Clodoaldo Silva - bronze - 50m livre (S4)
Danilo Glasser - bronze - 50m livre (S10)
Genezi Alves de Andrade - bronze - 150m medley (SM3)

Jogos Paralímpicos de Atenas 2004 
Clodoaldo Silva - ouro - 100m livre (S4)
Clodoaldo Silva - ouro - 200m livre (S4)
Clodoaldo Silva - ouro - 50m borboleta (S4)
Clodoaldo Silva - ouro - 150m medley (SM4)
Clodoaldo Silva - ouro - 50m livre (S4)
Revezamento 4x50m medley (Adriano Lima, Clodoaldo Silva, Francisco Avelino e Luis Silva) - ouro
Fabiana Sugimori - ouro - 50m livre (S11)
Revezamento 4x50m livre (Adriano Lima, Clodoaldo Silva, Joon Sok Seo e Luis Silva) - prata
Edênia Garcia - prata - 50m costas (S4)
Ivanildo Vasconcelos - prata - 100m peito (SB4)
Francisco Avelino - bronze - 100m peito (SB4) 

Jogos Paralímpicos de Pequim 2008 
André Brasil - ouro - 100m borboleta (S10)  
André Brasil - ouro - 100m livre (S10) 
André Brasil - ouro - 400m livre (S10) 
André Brasil - ouro - 50m livre (S10) 
Daniel Dias - ouro - 100m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 200m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 200m medley (SM5)
Daniel Dias - ouro - 50m costas (S5)
André Brasil - prata - 200m medley (SM10)
Revezamento 4x50m medley (Clodoaldo Silva, Daniel Dias, Ivanildo Vasconcelos e Luis Silva) - prata
Daniel Dias - prata - 100m peito (SB4)
Daniel Dias - prata - 50m borboleta (S5)
Daniel Dias - prata - 50m livre (S5)
Phelipe Rodrigues - prata - 100m livre (S10) 
Phelipe Rodrigues - prata - 50m livre (S10)
Revezamento 4x50m livre (Adriano Lima, Clodoaldo Silva, Daniel Dias, Joon Sok Seo) - bronze
Edênia Garcia - bronze - 50m livre (S4)
Fabiana Sugimori - bronze - 50m livre (S11) 
Verônica Almeida - bronze 50m borboleta (S7)

Jogos Paralímpicos de Londres 2012
Andre Brasil - ouro - 100m borboleta (S10)
Andre Brasil - ouro - 100m livre (S10)
Andre Brasil - ouro - 50m livre (S10)
Daniel Dias - ouro - 100m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 200m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 50m borboleta (S5)
Daniel Dias - ouro - 50m costas (S5)
Daniel Dias - ouro - 50m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 100m peito (SB4)
Andre Brasil - prata - 100m costas (S10)
Andre Brasil - prata - 200m medley (SM10)
Edênia Garcia - prata - 50m costas (S4)
Phelipe Rodrigues - prata - 100m livre (S10) 
Joana Neves - bronze - 50m borboleta (S5)

Jogos Paralímpicos do Rio 2016 
Daniel Dias - ouro - 50m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 100m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 200m livre (S5)
Daniel Dias - ouro - 50m costas (S5)
Phelipe Rodrigues - prata - 50m livre (S10)
Daniel Dias - prata - 100m peito (SB4)
Joana Neves - prata - 50m livre (S5)
Andre Brasil - prata - 100m livre (S10)
Carlos Farrenberg - prata - 50m livre (S13)
Revezamento 4x50m livre misto (Susana Schnarndorf, Joana Neves, Clodoaldo Silva, Daniel Dias, Talisson Glock e Patrícia Santos) - prata
Revezamento 4x100m livre (Daniel Dias, Andre Brasil, Ruiter Silva e Phelipe Rodrigues) - prata
Ítalo Pereira - bronze - 100m costas (S7)
Daniel Dias - bronze - 50m borboleta (S5)
Matheus Rheine - bronze - 400m livre (S11)
Andre Brasil - bronze - 100m borboleta (S10)
Talisson Glock - bronze - 200m medley (SM6)
Phelipe Rodrigues - bronze - 100m livre (S10)
Joana Neves - bronze - 100m livre (S5)
Revezamento 4x100m medley masculino (Phelipe Rodrigues, Andre Brasil, Daniel Dias e Ruan de Souza) - bronze


REGULAMENTOS
Participação em competições internacionais (por meio de clubes)

 

CLASSIFICAÇÃO

 

 

 

As classes sempre começam com a letra S (swimming). O atleta pode ter classificações diferentes para o nado peito (SB) e o medley (SM).

 

 

O atleta é submetido à equipe de classificação, que procederá a análise de resíduos musculares por meio de testes de força muscular; mobilidade articular e testes motores (realizados dentro da água). Vale a regra de que, quanto maior a deficiência, menor o número da classe.